Informações da página

Você está em: Página Inicial > Comunicação > Notícias

Início do conteúdo

Câmpus forma jovens assentados em curso técnico com habilitação em Agroecologia

Turma de formandos

Após mais de três anos de aulas e estágio, 25 jovens de assentamentos rurais formaram-se no curso Técnico em Agropecuária com habilitação em Agroecologia, através de uma parceria entre o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Câmpus Sertão e do Instituto Educar, por meio do Programa Nacional de Educação da Reforma Agrária (Pronera). A solenidade aconteceu na noite de sexta-feira (23), na comunidade do Passo Real, Encruzilhada Natalino/Fazenda Annoni de Pontão. É a terceira turma formada pela parceria no pólo Pontão, totalizando a formação de mais de 120 pessoas. O curso foi criado em 2005.

A turma denominada "Filhos de Rose" homenageia uma trabalhadora sem terra que morreu em 1987 na conquista pela fazenda Annoni.

Integraram a mesa de autoridades o Diretor-Geral do Câmpus Sertão Lenir Antonio Hannecker, a paraninfa da turma Aline Katzer, o Prefeito Municipal de Pontão Delmar Zambiazi, a coordenadora do Pronera Maria de Lurdes Tavares, o coordenador-geral do Instituto Educar Mário Luís Lill, a coordenadora do Instituto Educar Maria Salete Campigotto, a representante do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra e Via Campesina Irene Manfio, a representante do Movimento dos Trabalhadores Desempregados Sandra Regina Crhist, o representante do Movimento dos Pequenos Agricultores Plínio Simas e a coordenadora de Registros Acadêmicos do Câmpus Sertão Ana Letícia Franzon Cecconello.

O juramento foi feito pelos formandos Augusto Christ e Flávia Flores. Os oradores da turma foram Gilnei Viland e Ana Paula Bosa.

Para o diretor-geral do Câmpus Sertão, Lenir Antonio Hannecker a educação tem o poder de transformar, especialmente a vida dos jovens do pólo Pontão. "A educação só acontece quando há mudança de comportamento, por isso estabeleçam desafios, tracem metas e sigam em busca do saber", aconselhou os formandos. Hannecker assegurou a continuidade da parceria na formação dos assentados.

Maria Salete Campigotto, coordenadora do Instituto Educar, destacou que alguns dos formandos já estão em universidades e em institutos federais realizando cursos de graduação e muitos deles retornaram aos seus assentamentos e estão colocando em prática o que aprenderam. "Lutamos pela educação nos assentamentos desde os anos 80 e nesta formatura vimos a reforma agrária que queremos", ressaltou.

Para o formando Gilnei Schlavin Viland, o curso além de oportunizar a profissionalização, também abriu outros caminhos e contribuiu para sua formação como cidadão. "Pretendo trabalhar com a agricultura biodinâmica junto ao meu assentamento de origem, São Gabriel. Tenho o compromisso de contribuir com o desenvolvimento da fronteira oeste. Também desejo ingressar num curso de Agronomia buscando aprimorar este enfoque da agroecologia e tentar mudar a imagem dos movimentos sociais pelo menos na minha turma", disse.

Galeria

Autoridades presentes Oradores da turma Paraninfa Aline Katzer Maria Salete Campigotto, coordenadora do Instituto Educar Diretor-Geral do Câmpus, Lenir Antonio Hannecker

Veja mais

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Câmpus Sertão

Rodovia RS 135, Km 25 | Distrito Eng. Luiz Englert | CEP: 99170-000 | Sertão/RS

E-mail: comunicacao@sertao.ifrs.edu.br | Telefone: (54) 3345-8000 | Fax: (54) 3345-8006/8022/8003