Informações da página

Você está em: Página Inicial > Comunicação > Notícias

Início do conteúdo

Mulheres do Campus são homenageadas

Alunos fizeram uma homenagem às mulheres através da interpretação de uma música

Para marcar o Dia Internacional da Mulher no Campus Sertão do Instituto Federal do Rio Grande Sul a equipe diretiva promoveu um bate-papo com a psicóloga da Prefeitura Municipal de Sertão, Adriana Delavy dos Santos, no final da manhã de 8 de março.

 

Servidoras efetivas, terceirizadas, estagiárias e alunas foram convidadas a participar do evento, no auditório da instituição. Elas foram surpreendidas pelos alunos do terceiro ano Wilian Comin e Diógenes Negri, que interpretaram a música "Meiga Senhorita", de Almir Sater.

 

A história do Dia Internacional da Mulher, originado nas manifestações femininas por melhores condições de trabalho e direito a voto, no início do século XX, foi apresentada pela Chefe de Gabinete Denise de Oliveira.

 

A psicóloga Adriana, formada pela Universidade de Passo Fundo e especialista em Psicologia Educacional pela PUC de Porto Alegre, falou sobre as responsabilidades da mulher e o seu papel na sociedade. "O processo de inserção da mulher no mercado de trabalho, por realização pessoal e necessidade financeira, exige que elas sejam profissionais, embora não tire nenhuma das outras tarefas anteriores, como a casa, os filhos, o marido, além de estar sempre bela e disposta", citou.

 

Esse acúmulo de funções, segundo a psicóloga, acaba deixando as mulheres ansiosas e, muitas vezes, com sentimento de culpa, por não darem conta de todas as tarefas. "O que realmente importa é a qualidade do tempo que dispensamos às pessoas e não a quantidade", indicou.

 

De acordo com a psicóloga, ao sentir-se culpada e sobrecarregada, grande parte das mulheres guarda esses sentimentos até estourar com alguém, geralmente próximo, ou até que se transforme num problema de saúde, como dores de cabeça, cansaço, entre outros.

 

"Não podemos nos cobrar tanto. Temos tarefas como mãe, profissional, esposa e dona de casa, mas acima de tudo somos seres humanos e temos o dever de sermos felizes, buscarmos a felicidade e fazermos pelo menos uma coisa que nos dê prazer no dia-a-dia. Tem mulher que se esqueceu de si mesma, são candidatas à depressão e a solidão. Para que trabalhar tanto se não curtimos a vida? Uma mulher feliz faz um marido feliz, uma mãe feliz faz um filho feliz e uma colega feliz faz outra feliz também", destacou.

 

O segredo, conforme Adriana, é a mulher deixar de ser tão perfeccionista e parar de se cobrar. "Vamos fazer tudo o que a gente pode fazer como mulheres, dar o que somos capazes de dar e não o que a sociedade nos cobra".

 

Ao término do bate-papo, a diretora do Campus Viviane Silva Ramos destacou que o desafio é ser feliz com aquilo que se tem. "É importante pararmos para refletir sobre o que queremos para nossa vida, sobre nossos valores e as pressões da sociedade, não apenas enquanto mulheres, mas enquanto cidadãs", apontou.

 

Duas cestas de produtos feitos na agroindústria do Campus foram sorteadas entre as participantes, junto a outros cinco brindes da Natura doados pela servidora Marta Marlice Hanel.

Galeria

A psicóloga Adriana Delavy dos Santos falou sobre os diferentes papéis assumidos pelas mulheres na atualidade

Veja mais

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Câmpus Sertão

Rodovia RS 135, Km 25 | Distrito Eng. Luiz Englert | CEP: 99170-000 | Sertão/RS

E-mail: comunicacao@sertao.ifrs.edu.br | Telefone: (54) 3345-8000 | Fax: (54) 3345-8006/8022/8003