Informações da página

Você está em: Página Inicial > Comunicação > Notícias

Início do conteúdo

Integração e superação foram o resultado da Olimpíada Regional das APAEs realizada no Campus

Alunos da APAE reunidos para a abertura do evento

Mais do que medalhas, os alunos das APAEs de Erechim, Sananduva, Sertão, Getúlio Vargas, Aratiba, Mariano Moro, Barão de Cotegipe e Gaurama ganharam momentos de alegria e a oportunidade de conviver com colegas e trocar experiências diversas com pessoas de toda a região. Esse foi o resultado da 5ª Olimpíada da 16ª Região das APAEs realizada no Campus Sertão do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS) na sexta-feira (30) reuniu cerca de 300 alunos das APAEs da região.

 

Foram disputadas diferentes modalidades esportivas, desde corridas até caminhadas, corrida de cadeirantes, salto em altura, salto em distância, arremesso de peso, arremesso de dardo até futsal.

 

O aluno Rodrigo Moreira da APAE de Getúlio Vargas estava bastante empolgado com sua participação na olimpíada. Ele disputou duas modalidades: revezamento 4x100 e futsal. "É bom jogar bola, se exercitar. Eu gosto é de participar, competir, de fazer esportes e de conhecer pessoas também. Essa é a parte mais importante da olimpíada", avaliou.

 

A atividade física preferida de Luciana Ballen da APAE de Aratiba também é jogar bola. Ela começou a participar da APAE há somente um ano e participou pela primeira vez da Olimpíada das APAEs. "Eu gosto muito de fazer esporte, conhecer pessoas e novos lugares. E também quero ganhar medalhas", comentou.

 

Leandro Andreolla, também da APAE de Aratiba, desfilava orgulhoso com sua medalha de ouro, mas ao ser questionado sobre o que mais gostou do evento, não titubeou na resposta: "conversar com as pessoas".

 

Os integrantes do Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais (NAPNEE) do Campus foram os responsáveis pela organização da olimpíada. Aproximadamente 120 alunos da instituição trabalharam como voluntários no evento.

 

A coordenadora do Núcleo, Fabiane Breitenbach, considera que "promover eventos desta envergadura, além de aproximar a comunidade do Campus, possibilita que os servidores e os alunos, ao se envolvam na organização e desenvolvimento do evento, reflitam sobre a necessidade da instituição pensar a educação das pessoas com necessidades educacionais especiais".

 

Participaram da abertura da Olimpíada a diretora do Campus Viviane Silva Ramos, o Coordenador da 16ª Região das APAES do Rio Grande do Sul João Carlos Andrades e o responsável pelo programa Tec Nep da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) do Ministério da Educação (MEC), Franclin Costa do Nascimento.

 

Em seu pronunciamento, a diretora Viviane Silva Ramos comentou que o Campus buscou trabalhar para que o evento fique marcado como o de 2006 e colocou a instituição a disposição de todas as APAEs dos municípios participantes. Também agradeceu a comissão e as pessoas que se envolveram na organização da olimpíada.

 

O responsável pelo programa Tec Nep da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) do Ministério da Educação (MEC), Franclin Costa do Nascimento, deixou uma mensagem do Ministro da Educação Fernando Haddad e do secretário de Educação Profissional e Tecnológica Eliezer Moreira Pacheco. "Agradeço todos os dias por trabalhar com políticas inclusivas. Tenho orgulho deste trabalho. No final do evento todos merecerão medalhas de heróis da convivência", disse.

 

Segundo Franclin, o Campus Sertão é um dos pioneiros no trabalho com educação inclusiva ao realizar pela segunda vez a Olimpíada Regional das APAEs. "Meu desejo é que o trabalho de Sertão instigue outros institutos", confessou. Franclin participou das duas olimpíadas no Campus. Em sua opinião, o evento abre espaço para discussões entre alunos, professores e técnicos administrativos sobre o que é inclusão. "O Campus Sertão está enterrado até a medula no projeto de inclusão e é por isso que me sinto muito à vontade quando estou aqui", disse.

 

O Coordenador da 16ª Região das APAEs do Rio Grande do Sul, João Carlos Andrades ressaltou que o intuito da olimpíada não é o de competição, mas o de integração e convivência. "O IFRS Campus Sertão é um parceiro fundamental para as APAEs e eu já levei essa parceria ao conhecimento da coordenação estadual das APAEs como bom exemplo", citou.

 

No encerramento, a auto-defensora regional Alessandra falou sobre a importância de praticar esportes e sobre o sentido verdadeiro da olimpíada, que é o de integração entre as APAEs.

 

Foi entregue um troféu para cada APAE presente, confeccionado pelos alunos da APAE de Gaurama.

 

A mensagem final da diretora do Campus foi a afirmação de que a instituição é a extensão das APAEs de cada um dos municípios participantes na olimpíada. "Teremos sempre o maior prazer em recebê-los e já colocamos o Campus a disposição para a realização da olimpíada da macrorregião", anunciou.

 

A direção do Campus disponibilizou toda a estrutura da instituição para o evento, além de oferecer três refeições gratuitas às delegações das APAEs.

Galeria

Autoridades reunidas na abertura do evento Comemoração no pódio Alunos se esforçaram nas disputas Emoção na chegada

Veja mais

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Câmpus Sertão

Rodovia RS 135, Km 25 | Distrito Eng. Luiz Englert | CEP: 99170-000 | Sertão/RS

E-mail: comunicacao@sertao.ifrs.edu.br | Telefone: (54) 3345-8000 | Fax: (54) 3345-8006/8022/8003